top of page
  • Foto do escritorPedro de Oliveira Szpacenkopf

Como eu faria para organizar o kibutz ?!

Atualizado: 22 de fev. de 2023



Leia Daniel 2:44 Basta um cartão, esse cartão (que seria informatizado seria como um cartão de identidade + chip tipo do BRT com sua foto e código de barras e chip teria tudo sobre você armazenado, assim as autoridades poderiam checar seus cartões e vocês com uma máquina com blockchange e por dia você tem x fora do kibutz pra gastar ) feito pela comunidade onde é vinculado a uma conta de banco operativa do kibutz para uso externo, pois dentro do kibutz é tudo trocas...


Dentro do kibutz terá seus representantes parlamentares formados pelos maiorais exemplares do grupo mundial (assim em outros pais está a economia ruim o, o que estiver melhor ajuda quem está em desvantagem) todos devem passar por processo de adesão e passar pelos quesitos do kibutz assinar os termos de adesão e estarão sujeitos aos termos do kibutz e de seus líderes...


O kibutz pode coexistir entre todo governo democrático, pois é o processo de privatização de criação é neoliberal dentro de um governo capitalista de direita onde o kibutz presta serviços para fora de tal e dentro tudo dividido e liberado segundo as necessidades da comunidade do kibutz em outras palavras é uma terceirização governamental coexistindo dentro de outros governos, é claro que até que o povo todo de adesão a esse processo e desse modo implemente o governo no espaço todo...


O kibutz deve ter seu site e no seu site ter tudo descriminado dos gastos e projetos (criados pelos parlamentares maiorais...) e estes devem ser votados pelo povo do kibutz, a lei principal do kibutz é "sirvam uns aos outros de terno amor e façam com o outro o que quer que façam com sigo mesmo assim amem a Jeová teu Deus de todo coração e de toda sua alma, assim como ama a si e deve amar ao seu próximo" essa é a sentença principal para funcionar o reino de Deus...


As coisas devem ser sempre planejadas com antecedência, nada pode ser feito novo sem antes ser apresentado e ao público e antes previamente debatido e aperfeiçoado, o projeto do kibutz deve ser aprovado pelo povo, quem o asseitar se for a maioria será feito, caso seja algo muito importante o projeto é guardado e terá segunda chance no futuro manutenção e construções são inspecionadas por todos se houver necessidade abre-se uma petição e ela é devidamente votada...


A as regras do kibutz devem ser seguidas amenos que aja uma emergência gerando uma exceção (em maior parte feita por pessoas que viram algo errado e consertaram por si só ) dai deve relatar aos superintendentes que houve isso e estes devem ver se o caso é de punição ou não o caso deve ser levado aos anciãos e estes devem fechar o caso podendo até haver expulsão onde lhe é contado seu tempo de trabalho e vida no kibutz e lhe é dado junto de sua rescisão sendo demitido como de qual quer outro trabalho...

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page